Surto de conjuntivite

Compartilhe este artigo!

Com surto de conjuntivite, faltam médicos no Estado de São Paulo

A alta temporada turística no litoral de São Paulo trouxe com ela um surto de conjuntivite no Estado, mas faltam médicos oftalmologistas para atender os casos.

surto de conjuntivite 150x150 Surto de conjuntiviteNa rede pública e privada, pacientes que voltaram à capital depois de feriado e final de semana em Ilhabela, São Sebastião (Litoral Norte) ou na Baixada Santista (Litoral Sul), não conseguem atendimento.

Na rede pública, a presença de oftalmologistas não é obrigatória nos prontos socorros. Terra Magazine procurou sete hospitais da capital, nenhum deles tinha a especialidade.

No Hospital Municipal Inácio Proença Gouveia, na Mooca, a atendente chegou a recomendar que os pacientes procurassem a rede privada. Já no Hospital Estadual de São Mateus, apenas quem tivesse hora marcada poderia ser recebido.

Um paciente que procurou hospital particular no bairro do Tatuapé, na Zona Leste, conta que o clínico geral se recusou a diagnosticá-lo porque não teria equipamentos que só o especialista teria. Foi preciso que o homem se deslocasse até uma clínica no Ibirapuera, na Zona Sul, onde teve que aguardar mais de três horas para ser recebido por um oftalmologista.

A Secretaria Estadual de Saúde ainda não tem os números de pessoas que contraíram a doença até agora em março. Só em Ilhabela foram reportados mais de mil casos em três semanas.

A recomendação da Secretaria é que as pessoas que desconfiem que tenham adquirido conjuntivite procurem agendar consultas em postos de saúde da rede pública. A doença, porém, é contagiosa e o tratamento com agilidade é importante para evitar que mais pessoas sejam contaminadas.

This entry was posted in Uncategorized and tagged , , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink.

3 Responses to Surto de conjuntivite

  1. Ródrio says:

    Essa conjuntivite é terrível – melhor tratamento é a prevenção. Lavar sempre as mãos e evitar contato direto com pessoas infectadas, além de não dividir objetos pessoais, são algumas medidas importantes. Lavar os olhos com água gelada várias vezes ao dia também é bom. Quando há surto da doença é complicado porque nenhum município brasileiro tem saúde pública preparada ou com estrutura para atender toda a demana. Veleu – abraços.

  2. Olá!
    Eu vi hoje nos noticiários sobre esse surto! A maior parte no litoral paulista. Eu já tive uma conjuntivite brava e sei bem o que é isso!
    O negócio é tomar todos os cuidados e correr para um médico tão logo constate os sintomas!
    Grande beijo,
    Jackie

  3. Pingback: Surto de conjuntivite « Saúde « Link de Qualidade

Leave a Reply to Ródrio Cancel reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>