Clientes Samcil e Serma não tem atendimento na Greeline

Compartilhe este artigo!

green line1 Clientes Samcil e Serma não tem atendimento na Greeline

Ex-clientes da Samcil e Serma, com problemas para conseguir atendimento em seus antigos planos de saúde, não estão aliviados com a compra das empresas pela Greenline. Desde 4 de maio, pelo menos 210 pessoas não conseguem marcar consultas e exames por meio da central de agendamento.

Das 700 ligações relacionadas à Greenline recebidas pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) neste mês, 300 eram queixas, sendo que 70% são dos novos clientes que não conseguem dar continuidade aos tratamentos e agendar consultas.

O exame oftalmológico de Eugenio de Souza Pereira Neto deveria ter sido feito ontem, mas por conta da falta de orientação da Greenline, o aposentado que sofre de catarata perdeu a avaliação. “Mandei um e-mail à empresa no dia 12, pedindo orientação para o exame que eu tinha marcado para hoje (ontem) e não recebi resposta.” Sem previsão para ser atendido, ele marcou uma consulta para julho em um hospital público.

A bancária Rogelia Lens Perez precisa de um ortopedista, mas não teve resposta da operadora. Ela diz que continua a pagar o plano apenas para ter um “hospital’ onde cair”.

Os clientes antigos da Greenline também sofrem. Conveniada há dois anos e meio, Daniela Carvalho, que está grávida, saiu de São Bernardo do Campo no sábado passado para ir ao ginecologista na Mooca, em hospital próprio da Greenline. Mas não havia médico especializado para atendê-la. Daniela ressalta que o problema com atendimento não é de hoje.

De todas as reclamações, a ANS não constatou recusa de atendimento. Leila Cordeiro, diretora de atendimento do Procon, diz que o órgão acompanha a transição e que em caso de negativa, vai cobrar medidas da Greenline.

Segundo a operadora, “a eventual dificuldade de atendimento nos telefones de marcação de consultas pode ser, provisoriamente, contornada por meio do agendamento via telefone diretamente com as unidades credenciadas.

Fonte: Jornal da Tarde

This entry was posted in Uncategorized and tagged , , , , , , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink.

4 Responses to Clientes Samcil e Serma não tem atendimento na Greeline

  1. rodrigo says:

    E matérias sobre os funcionários da Samcil e da Serma? Ninguém da imprensa vai fazer? Muitos estão passando séria onde esta Luiz Roberto Horst Silveira Pinto que prometeu resolver a situação dos funcionários? Será que a PDG Realty também esta com problemas?!! Por que essa blindagem da imprensa em torno da familia Silveira Pinto?

  2. Caro amigo,

    É um problema muito grave. Principalmente se os prejudicados são idosos. Uma época da vida em que se precisa mais dos médicos, em que se tomam mais remédios e, pior, na qual se ganha menos e os planos de saúde custam mais.

    Se, pelo menos, houvesse a garantia de que os serviços contratados serão adequadamente prestados seria menos problemático. No entanto, as pessoas pagam uma fortuna, para no fim, ficarem sem plano de saúde e tendo que recorrer ao sistema público.

    É lastimavel!

    Bjs,

    Guta

  3. laura ribeiro de sousa palanca says:

    realmente a situação da greenlaine é péssima, eu era cliente da serma, hoje estou pagando a mesma coisa, e a rede credenciada diminuiu, quando quero ser atendida, preciso pagar consulta particular, isso não é lamenável!!!!!

  4. Carlos Pires says:

    ESSA É DURA DE ACEITAR!!

    Eu pertencia a carteira da Samcil que foi adquirida pela Greenline.
    Estou pagando as mensalidades normalmente.

    No sábado, dia 27/08/2011, acionei o serviço de atendimento, pois, minha mãe estava com dores abdominais, com suspeita de diverticulose.

    Informei a matrícula e meu nome e acreditem: o funcionário disse que eu não estou cadastrado no banco de dados!!! Mas, os boletos chegam para eu pagar!

    Conclusão: fui obrigado a usar a rede pública.

    É UMA FALTA DE RESPONSABILIDADE, DE COMPETÊNCIA.

    CARLOS PIRES

Leave a Reply to laura ribeiro de sousa palanca Cancel reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>